Tabela de pH dos Alimentos

Para receber GRATUITAMENTE a “Tabela de pH dos Alimentos” insira seu Nome (Name) e Email abaixo e clique no botão “Quero Receber”:

Name
Email

Email Marketing by TrafficWave.net

Como interpretar a Tabela de pH dos Alimentos?

Nessa tabela que você irá receber, os alimentos encontram-se divididos por categorias e nível de alcalinização / acidificação (escala de 1 a 8), em que o nível 1 representa os alimentos MUITO ÁCIDOS (ou acidificantes) e o nível 8 os alimentos MUITO ALCALINOS (ou alcalinizantes).

Essa escala (de 1 a 8) representa o efeito alcalinizante ou acidificante que os alimentos têm em nosso organismo após serem digeridos – NÃO representa a alcalinidade / acidez dos alimentos em seu estado natural (antes de serem ingeridos).

EXEMPLO: Na lista o limão é classificado no nível 6 (porque ele tem impacto alcalinizante no organismo), contudo em seu estado natural, o limão é muito ácido.

A “Tabela de pH dos Alimentos” é o ponto de partida para quem deseja tornar a sua alimentação mais alcalina, de modo a promover a alcalinização do organismo. Um corpo mais alcalino está mais protegido contra as doenças e o ganho de peso, e além disso, assim que você começar a introduzir mais alimentos alcalinizantes nas suas refeições diárias você irá sentir-se muito melhor e com muito mais energia.

 

Porque é que as listas de alimentos alcalinos e ácidos diferem umas das outras?

Tem havido muitos estudos nessa área e foram já publicados muitos livros sobre a dieta alcalina e os alimentos alcalinos – mas existe alguma lista definitiva de alimentos alcalinos?

Bem, a resposta simples é NÃO.

Existem várias listas de alimentos alcalinos, e quase todas diferem um pouco (ou muito) umas das outras. Isso ocorre porque ao longo dos anos tem havido pesquisas na área da alimentação alcalina, o que levou a mudanças nas definições dos “alimentos alcalinos”.

Por exemplo, uma lista de alimentos alcalinos pode simplesmente classificar os alimentos com base em seus valores de pH naturais, tal como eles são in natura. Essa é a forma como a maioria das pessoas iria “ver” os alimentos – e, em que alguns alimentos, tais como limões e limas seriam considerados ácidos e o leite, queijo e frango seriam considerados alcalinos.

Isso poderá parecer lógico e óbvio. No entanto, é uma maneira imprecisa de olhar para as coisas, uma vez que não leva em conta o impacto que o alimento tem em nossos próprios corpos.

 

Para quem está procurando uma dieta e estilo de vida que visa alcalinizar o corpo, o ponto fundamental é verificar o efeito que os alimentos têm em nosso organismo, após ingeridos e digeridos.

Aliás, limas e limões são alimentos altamente alcalinos quando processados ​​pelo corpo e comidas como queijo, leite e carne têm um efeito altamente ácido.

 

Com base em investigações do início do século XX e que perduraram até tempos bem recentes, os alimentos eram classificados de ácidos ou alcalinos através do seguinte procedimento:

  • os alimentos eram queimados e, em seguida, era medido o pH das cinzas (resíduos) resultantes dissolvidas em água (isso seria o que sobra depois de serem metabolizados).

Contudo, através de investigações mais recentes se descobriu que os resíduos de cinzas isoladamente não são o fator importante, mas sim os compostos químicos que os alimentos libertam em nosso corpo depois serem metabolizados.

Nosso sistema metabólico é um sistema maravilhosamente complexo e intrincado, por isso determinar se um alimento é ácido ou alcalino com base em seus resíduos resultantes é uma tarefa lenta e trabalhosa, que só agora os cientistas estão começando a concluir.

A comida que é alcalina, em sua forma física,  muitas vezes pode ter um efeito acidificante sobre nosso corpo quando consumida (e vice versa).

 

Deixo por isso aqui alguns alimentos que universalmente aparecem nas “listas de alimentos alcalinos “- independentemente de como ou por quem foram elaboradas:

– Brócolis , espinafre, rúcula, alface, pepino, abacate, couve, repolho, limões, limas, tomates, feijão verde, grama de trigo, grama de cevada, alho, agrião, óleos ômega 3.

Da mesma forma, indico a seguir alguns alimentos que são classificados universalmente de ácidos:

– Bolos, refrigerantes, hambúrgueres e outras fast foods, sorvetes, biscoitos, donuts, frituras, álcool.

 

A Tabela de pH dos alimentos que nós disponibilizamos foi elaborada com base no efeito que os alimentos produzem após serem metabolizados no nosso corpo.

Pensamos que esse é o fator mais importante numa dieta alcalina, e por isso em nossa lista o limão e a lima são considerados alimentos alcalinos, porque realmente têm um efeito altamente alcalinizante e benéfico para o nosso organismo.